quinta-feira, 30 de setembro de 2010

A Cozinheira


Tem filho que é xerox do pai. Filha que é a cópia da mãe. Desde o nascimento, mas pode mudar um pouquinho, ficar mais parecido com um, depois com o outro. Todas semelhanças físicas.

Rapidamente, beeeeem antes do que imaginamos, eles pões as garrinhas de fora e mostram ao mundo para o que vieram, exibindo a tal da personalidade.

E os traços da personalidade podem ser idênticos (adquiridos? Aprendidos? AprEEndidos? Imitados? Genéticos?) aos dos pais ou opostos.

A Manu, dizem, é uma versão física minha tamanho miniatura, às vezes até me assusto. É muito legal me enxergar e me reconhecer naquele serzinho, parte de mim, sangue do meu sangue. Até falo: "ai, Manu, você é tão minha filha...".

E em determinados aspectos da personalidade também. Ela é mandona e brava como eu, vejam só que lindas qualidades passei para a minha filha... Mas herdou algumas qualidades-qualidades mesmo, que não vêm ao caso, em outro post eu me exibo, tá?!

Só que agora tem mostrado um lado, um interesse que eu não consigo identificar a "herança genética!". A nova mania é olhar qualquer comida e perguntar como aquilo é feito.

- Mamãe, como faz pipoca? Como faz melancia? Como faz ovo?

Justo pra mim essas perguntas difíceis todas? Prefiro até responder àquela curiosidade de como ela foi parar na minha barriga, psicóloga que sou e preciso de receita para fazer gelo e mapa para chegar na minha própria cozinha.

Ela vive me dizendo que, quando crescer, vai ser uma cozinheira. (Ô, filha, dá uma melhoradinha aí no termo, o certo é chef...), assiste "Ratatouille" com um brilho especial naqueles olhinhos dee jabuticaba, passa horas vendo os meus livros de receita e escolhendo o menu do almoço, do jantar e para quando os amiguinhos vêm em casa. Até na lista do supermercado a menina dá pitaco!

(Estranho, eu sei, mas tenho zilhões de livros de receitas. Coleciono. Junto com o pó todo!).

Hoje ela me pediu para fazer um bolo de ovo de codorna e uma sopa de forno.

Podem segurar o riso aí, hora de guardar o nome da minha filha, ela ainda vai ser estreladíssima no Michelin!

Compartilhar

18 comentários:

Natalia disse...

E isso é maravilhoso, ela ser tão sua filha e ao mesmo tempo tão ela mesma!
Pode deixar que o nome tá anotado aqui na cachola pro dia em que eu o vir nos estrelados do Michelin...

Anne disse...

Que delícia a gente se enxergar nos filhotes! Ainda não tenho esse prazer, meu rebento é a cara do pai e eu coleciono todos os tipos de "emprestou a barriga", "trabalhou de graça" e afins... hehe
Agora quanto à cozinha, nem me fale! Sabe, eu tive dificuldade de cozinha a primeira maçã do Joaquim... me identifiquei com o "receita para fazer gelo". vc é das minhas!!!
bjo e obrigada pelas suas visitas lá no Super Duper!

Anne
mammisuperduper.blogspot.com

Kah disse...

Não vou nem fazer piada com seus dons para culinária porque os meus não são nem um pouco diferentes... Você precisa de receita para gelo e eu para ferver água, um mistério.
Mas que bom que a pequena mostra interesse pela cozinha! Acho tão legal quem sabe cozinhar. Vou anotar o nome dela aqui para quando sairem os livros já saber que posso comprar que é garantido que serão de qualidade.
Beijão!

Carol Garcia disse...

que graçaaaa!!!!
e a gente guarda esse post pra falar, daqui alguns anos:

a) bem que ela dava esses indícios, né Camilitcha, de que seria uma cheff de mão cheia. Parabéns pela inauguração do bistrô.

ou

b)olha que engraçado, Manu indo fazer pesquisas da superfície lunar hoje. Lembra que quando pequena adorava fuçar nos seus livros de receita?

ai ai.....
bjo bjo bjo

Renata disse...

hahaha, que fofaaaaaaaa! Eu acho demais quando começamos a perceber a personalidade dos pequenos.
Quero ser convidada para a inauguração do bistô que a Carol citou aí em cima...rs!
beijos

Naiara Krauspenhar disse...

kkkkkkkkkk, essas crianças surpreendem a gente mesmo!!!!
Manuzinha devia vir passar uma temporada aqui em casa, a gente ia cozinhar muitooooo, adooooro!!!

Mas eu só gosto de cozinhar com tempo e com inspiração, esse negocio de fazer almoço todo dia não é comigo... rs
Prefiro o momento "curtir a culinária", como fazer bolinhos pra GG e deixar ela lamber as pás da batedeira... essas coisas que a gente guarda pra sempre...rs

BJoooooo
Adooooro vir aqui

Naiara
http://littlelittlediva.blogspot.com/

Di disse...

hahaha otima! Eu, por outro ldo, espero nao me deparar com perguntas sobre computador. Manu vai ser ma chef hiper requisitada nos bffets e festa da alta sociedade, to so vendo. vai aer terprograma de tv!

Rafa disse...

Esqueci de te contar que ela ficou me perguntando como se fazia a pipoca e o sorvete no domingo... A pipoca vá lá, mas sorvete???

Beijos

Coisas de mãe disse...

O timming o post foi perfeito, quando eu ia começar a rir por causa do pedido "bastante especifico da Manu, li a frase: "Pode segurar o riso"

Adorei!

beijos

Pati

http://coisasdemae.wordpress.com

Fabi disse...

Já pensou?
Chef Manu virando referência no mundo da gastronomia?
Chiquitíssima!

Pinguinho da Mamãe disse...

Hahaha...
Bolo de ovo de codorna... Meu deus haja ovo...
Esta Manu é uma figura rara,heim...
Que linda...
Bjs
Ju

Milenα disse...

Olá ;D Depois de várias tentativas frustradas eu não desisti e resolvi tentar de novo com o Blog da Laurinha *---*

Já somos seguidoras desse LINDO blog ;D

Esperamos a sua visitinha

Beijos

Mih e Laurinha

Sarah disse...

Nossa, que máximo ver características nossas no filhote! Bento não tem nada meu, pelo menos até agora não identifiquei... Veio tudo do pai, da avó, da outra avó... afe!! Ah, lembrei de 2 coisas (uhu!): cabelo cacheado (que eu tinha qdo criança, depois alisou sozinho) e a tagarelice! hahahah!!
E que fofa a Manu... Já que ela se interessa, vc pode brincar de culinária com ela! Procura receitas fáceis de fazer e que ela possa pôr a mão na massa, tipo biscoitinhos... Ela vai adorar!!
bjos!

Nutrição e Cia disse...

Será que tá nascendo uma mini chefe de cozinha, meu Deus que curiosidade para tão pouca idade. Nunca soube desse negócio de o que será que ela (M.C) SERÁ quando crescer. Mas acho que as vz eles vão dando dicas, assim como essa. Tbém poderá ser uma engenheira de alimentos, olha que tudo.........rs.rs..
Sucesso ai na bonita!

Beta, a mãe disse...

Camila, eu amo cozinhar, posso ficar o dia todo fazendo isso, aliás eu faço, almoço e jantar todo dia, todo o resto eu delego pras emprgadas. Eis que a Bia tomou gosto pela coisa, todo dia (eu disse TODO dia) ela vem me ajudar a fazer o papá. Teve um dia que eu até fugi pra cozinha escondida dela e ela percebeu e veio correndo me ajudar, sabe que ela tá dando uma ótima cozinheira? Claro que ela nem chega perto do fogao, mas ajuda um monte. Eu to curtindo horrores dela me ajudar assim com tanto prazer. Tomara que a Manu se de bem na coisa e quem sabe até ensina a mãe a fazer alguma coisa não? Beijos

Christiana disse...

Camila, faz tempo que não venho aqui... Amei seu blog! E juro que não é porque você também é psicóloga nem porque também tem um Joaquim!
Virei com mais frequência! Gostei mesmo!
Bjinhossss
Chris e mosqueteiros
http://tresmosqueteiros.wordpress.com

Liagreice de Medeiros disse...

eu tbem preciso de guia pra chegar na cozinha...se nao fosse maridão, no fim de semana morreriamos todos de fome...
Um beijão

Marilia disse...

Ela puxou a "tia".... que orgulho!!!
Adoreeiii

 
Licença Creative Commons
O trabalho Mamãe Tá Ocupada!!! foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Com base no trabalho disponível em www.mamaetaocupada.com.br.
Podem estar disponíveis autorizações adicionais ao âmbito desta licença em www.mamaetaocupada.com.br. Paperblog :Os melhores artigos dos blogs