sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Convidado especial para o Dia dos Professores!


Então, eu quis estar na moda dos bloguinhos e convidei alguém para escrever aqui.

A escolha do meu convidado se explica, em primeiro lugar, pela raridade que é um pai blogueiro dando depoimentos e opiniões. A experiência da paternidade desperta o interesse e a curiosidade de muitas mães, tenho certeza!!

O espaço hoje é do Marcelo Cunha Bueno, grávido do Enrique, colunista da Revista Crescer e autor do Sopa de Pai. O Enrique ainda não nasceu, mas ele já é pai, sim, viu?! E conta no blog as expectativas, medos, alegrias em se tornar pai e a evolução da gravidez da Gabi, a mulher dele.

Leiam o post dele aqui, mas depois corram e !

Mas, o mais legal é que o Marcelo também é professor, tem uma escola, a Estilo de Aprender e trabalha com formação de professores mundo afora. Tudo isso só pode trazer ainda mais vantagens para nós, leitoras, não é mesmo?

Entre o meu convite cara de pau e a escolha do tema para o post dele, apenas sugeri que fosse algo relacionado à educação, já que eu gostaria de homenagear todos os professores pelo dia de hoje.

Espero que gostem e aproveitem!

*****

SER PROFESSOR

Ser professor é escolher estar com outros.

Ser professor é afirmar todos os dias que acreditamos nas pessoas, no mundo.

Aprendemos o ofício vivendo as relações presentes na escola, na cultura...

O professor é um inventor de espaços. Um guardador de contos. Criador de espaços de aprendizagem. Um espaço que pode ser dentro da sala, embaixo de uma árvore, de olhos fechados, num quintal gostoso, numa quadra. Professor pode inventar espaços. Se estudam os romanos, por que não dar uma aula no Coliseu? Se estudam os egípcios, por que não dar uma aula ao lado das pirâmides? Se estudam o fundo do mar, por que não dar uma aula no navio de Cousteau? É preciso entrar na história, habitá-la para fazer sentir.

Ser professor é fazer uma escolha. Uma escolha que deve ser refeita todos os dias, que deve ser pensada todos os dias. É preciso saber e entender que estamos escrevendo uma história juntos. Que somos parte da vida das crianças, dos jovens, das famílias. Somos responsáveis pelo tempo da criança enquanto ela estiver conosco.

Têm noção do que isso significa? Responsável pelo tempo... Temos de nos perguntar todos os dias se entendemos o que representa ser uma referência, uma segurança, um companheiro de crescimento. Ser o tempo. Ser um tempo. Que deve se descolar da ideia do tempo cronológico. Temos de ser o tempo das intensidades, do tempo vivido a cada instante, do hoje, do aqui e do agora.

Percebi isso quando entrei pela primeira vez em uma sala de aula. Quando vi que aquelas crianças de 4 anos me olhavam esperando algo. Esperavam que aparecesse alguém atrás da imagem do professor. Foi a primeira lição que aprendi delas. Ser professor é também deixar transbordar uma pessoalidade. Quando percebi isso, todos os dias, elas me olhavam esperando a mesma surpresa! Ser professor é mobilizar, é surpreender. É transformar o rotineiro, o já sabido em inédito. Assim fazem os contadores de histórias, assim aprenderam os nossos antepassados. Com histórias. Não é preciso mágica. O que os estudantes querem é ver que o professor é gente! Parece uma bobagem, mas é a pura verdade.

É preciso ter uma vontade de coexistir com os estudantes. De aprender ensinando. Coexistir significa deixar de ser o mestre explicador. Deixar de ser aquele que simplesmente passa a informação. O conhecimento está no mundo para ser atravessado e modificado. Degustado e transformado em um conceito habitado por individualidades. Atravessado pelos entendimentos e culturas dos múltiplos que o frequentam. Ser professor é reconhecer no outro uma potência geradora de conhecimento. É ver as possibilidades que cada um tem para encontrar caminhos que nos levem ao entendimento de como chegamos a ser o que somos.

Professor encanta. Encanta crianças e jovens com o seu apetite por conhecer, por saber, por desbravar. Professor deve contagiar. Deve sentir as coisas que fala. Deve ter paixão pelo mundo. Deve mostrar que sente. Deve sentir. As crianças sentem quando o professor se envolve, quando gosta, quando quer... e professor tem de querer, sentir, gostar! Podemos isso! Uma pessoa com desejos. Um desejo de compartilhar, ensinar, aprender. Não há nada mais desinteressante do que ter um professor que não demonstra interesse pelo que ensina, pelo que conversa. É uma afronta ao desejo de ensinar. Aprendemos mais e melhor quando sentimos que o outro quer também. Dependemos dos demais, precisamos dos outros para nos mobilizar, para nos desafiar. Professores são essas pessoas para as crianças, e elas são essas pessoas para os professores.

Bem, os desafios em sala de aula são diversos. Salas cheias, indisciplina, burocracias, exigências de chefes, falta de condições e precariedade de materiais... sabemos disso. E é por isso que a pergunta sobre a nossa escolha deve ser refeita. Ou nos entregamos a essas questões que, de fato atrapalham, ou mostramos às crianças que o que vale nessa vida são as relações que estabelecemos na diversidade, na inoperância e descaso político, nas burocracias rígidas que engessam o trabalho dos docentes.

Esse dia de professores e professoras deve ser mais um dia para reafirmarmos a nossa escolha por estarmos nesse barco. Deve ser um dia para refletirmos sobre como nos dispomos às crianças. Deve ser um dia para planejarmos os nossos estudos. Mais um dia para pensarmos sobre o sentido de estar com e para os outros!

Feliz Ser Professor para todos!

Compartilhar

13 comentários:

Pinguinho da Mamãe disse...

Oi, Cá...
Me emocionei com o texto, principalmente por ser professora!!!!
Adorei.
Bjs
Ju

Carol Garcia disse...

adorei.

o convidado, de quem sou fã babona, o post, o assunto, o despertar de sentimentos nesta ex-professorinha.

bjo bjo

Priscila disse...

Como professora, senti-me honrada com o texto.
Obrigada!
Abraço da Priscila.

Anne disse...

Professores são mesmo o máximo (falou a ex teacher que quer pegar carona na maravilha que é essa vocação, essa dedicação... bate até uma saudade)
Seu blog está demais!!
Bjinho
Anne
mammisuperduper.blogspot.com

Sarah disse...

Lindo texto! Parabéns Camila pelo post-convite, e parabéns Marcelo, pelas palavras e pela profissão, tão bem definida aqui.
bjos!

Sheila disse...

Nossa amei demais esse texto, me identifiquei e muito com ele. Amo ser professora, amo meus alunos.

Bjs

Sheila Lopes

Eliane disse...

Parabéns pelo post... pelo convidado... pelo texto maravilhoso que nos faz refletir sobre essa profissão tão importante.
Sou professora de português/literatura... mas atualmente estou cedida e trabalho redigindo ofícios e corrigindo textos diversos, junto ao Poder Executivo de meu Município.
Foi uma opção minha. Quando surgiu a oportunidade, não pensei duas vezes. Ou melhor, como disse o autor do texto, foi uma "escolha" minha, dos meus interesses...
Sempre gostei de lecionar... são muitas experiências que vivemos com alunos tão diferentes e ao mesmo tempo tão iguais a nós: todos querendo ser amados!
Mas, ultimamente, fatores como mudança de políticas da educação, inversão de valores, desvalorização do profissional... me tiraram aquela paixão... me esfriaram...
Enfim... sinto falta de algumas turmas, situações, trabalhos em campo (amava sair das 4 paredes), sinto falta... mas estou muito bem em minha nova função.
Aos educadores que continuam em sala, meus parabéns, meu mais sincero respeito. Essas pessoas recebem muito, muito respeito.
bjs
http://www.larfamiliaecia.blogspot.com/

Déborah Brito disse...

Texto lindo, aliás, nossa profissão é linda !
Me orgulho demais (:
Obrigada por nos proporcionar tudo isso. Linda homenagem !

Beijão

Tatiana Menezes. disse...

Nossa que texto lindo,fiquei emocionada principalmente por se professora!!!
Abraços!
www.tatianastefani.blogspot.com

Mamãe Pati disse...

Camila, sempre leio teu blog mas nunca comentei, sei lá fico com vergonha! Hoje não pude deixar passar, parabéns pela iniciativa, me senti honradíssima pois sou professora e amo demais a minha profissão, tão pouco valorizada. É gratificante ver algo tão legal assim como esse texto. Teu blog é muito legal, adoro a maneira como tu escreves. Teus filhos são muito fofos!!! Mil beijos e parabéns!
Pati.

maesemfrescura disse...

Olá.
Adorei o post. Professor é tudo para os nossos filhos.

Vamos trocar links??

Bjs, Pri

Liagreice de Medeiros disse...

Mto legal...cheia dos convidados chiques, né, fia??
ehehehhe
Bjsss

Mamma Mini disse...

Querida vc é chique no úuuuuuuuuuuuuurtimo, e este convidado dispensa comentários né? adorei o post, adoro tudo o que ele escreve, ficou o máximo esta interface e perfeita para a ocasião! um beijo pra vc e pro trio! to te mandando o email com as dicas...demorei! rs
bjs

 
Licença Creative Commons
O trabalho Mamãe Tá Ocupada!!! foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Com base no trabalho disponível em www.mamaetaocupada.com.br.
Podem estar disponíveis autorizações adicionais ao âmbito desta licença em www.mamaetaocupada.com.br. Paperblog :Os melhores artigos dos blogs