terça-feira, 26 de julho de 2011

O que acontece quando os filhos crescem?

Eu sempre fui do tipo magrinha. Tive algumas fases mais cruéis, tipo começo da adolescência, mas, no geral, magrinha. Mesmo sendo chocólatra e gulosa (confesso!), a genética esteve ao meu lado por boa parte da minha vida.

Depois que as crianças nasceram (vejam bem: 3 filhos, 2 gestações seguidinhas, incluindo uma gemelar), consegui me manter magrinha. Comi e repeti tudo o que eu quis enquanto estava grávida, engordei todos os quilos não permitidos pelo meu obstetra, mas voltava ao “normal”.

E acabei me acostumando (e gostando!) a ouvir a frase: “nossa, você tá tãããooo magrinha...” e eu respondia: “também, né?! Correr atrás de 3 tem dessas vantagens...”.

Pois de um tempo para cá, as coisas começaram a mudar. Roupitchas apertadas, blusas marcando, aquela tristeza tão conhecida para nós, mulheres. E, apesar de alguns quilos comprovados a mais, o que foi que mudou mesmo? Nada. Ou melhor, não muito. Quer dizer, um modelo 3.0 guloso e chocólatra tem lá as suas desvantagens “metabolísticas”, of course, mas além disso, comprovo outra teoria: os meus filhos cresceram. E muito. São bem mais independentes. Fixam-se em atividades por mais tempo, o que não exige mais que eu corra atrás deles o dia inteiro, perceberam? Brincam juntos por um tempo considerável, coisa que, muitas vezes, nem exige a minha presença ou participação.

Então, a balança me mostra algumas mudanças nem tão boas assim. Portanto, bora aproveitar o final das férias e correr atrás dos filhos, percorrer longas maratonas em casa ou fora. Essa é a minha dica e a minha meta. Filho em casa não é desculpa para não se exercitar, pelo contrário, filho em casa é academia garantida.

Deixa eu ir lá fazer levantamento de filho, abaixar e levantar para catar brinquedo do chão umas mil vezes que eu ganho, ops, perco mais!



Compartilhar

8 comentários:

Maura disse...

Putz! EU já tô acima do peso... O que será de mim qndo a Sophia crescer?!?!?
Tem SORTEIO lá no meu blog! O prêmio é um lindo adesivo decorativo! Participe!
Um abç,
Maura

Nine disse...

Comprovadíssimo! Eu gastava bem mais energia quando a Ísis ainda era um bebê de colo, engatinhante ou recém andante...agora ela faz quase tudo sozinha, inclusive brincar!

Eu estou na segunda gestação...vamos ver como ficam as coisas depois que o baby nascer!

Beijos,
Nine

Cris :-) disse...

Nem me fale. No alto do meu 1,73 sempre pesei 57 - 58Kg. Mas desde que as crianças entraram na escolinha em janeiro eu engordei 5 quilos. Estou desesperando!!!!!
Tb quero malhar e fazer dieta mas cadê que estou conseguindo? A indisciplina parece algo instalado no corpitcho.
Bjs

Coisas de mãe disse...

Nem me fale Ca! Emagreci os kilos do PEdro em um mês, da Luiza demorou um pouco mais, mas tambem se foi. Agora, no ultimo ano, tem dado mais trabalho emagrecer. E tem a questão estética, mas também a saude. Me marido fez teste de colesterol e deu altissimo. Ja marquei o médico para ver se o meu continua igual!!

beijos e bom exercicio com os filhos!

Pati

Celi disse...

Tem toda razão Camila. Como é difícil manter o peso. Precisa de muita determinação e persistência. Além do mais correr muito atrás dos filhos, pegando os brinquedos do chão, indo para parques e tudo mais que exige não ficar parada rs
Beijos

Cappelli disse...

Camila, isso é verdade. Conforme as crianças estão crescendo minha mulher vai ganhando uns quilinhos kkkkkkkk. Eu, pra ajudar, num ato de extremo amor, deixo ela sozinha com as crianças, para que ela perca as calorias que tanto a incomodam.

Abs!

www.etudoaoquadrado.blogspot.com

Natalia L. P. de Almeida disse...

hahahaah... coincidência ou não, ontem numa mesa de café-da-tarde estava justamente eu a justificar pras minhas primas-avós-tios o porquê "de eu estar magra (ou não gorda) mesmo comendo o q quero. Agora, Camila, logo, logo seria ótimo encomentar o sexto membro da família, q tal? pra garantir a academia, rsrrsrsrsr

Anne disse...

Boa! Vamos ver vantagem em todo esse movimento para catar brinquedo do chão!
Senhor, eu nao vejo a hora de nao catar mais, mas será mesmo um exercício a menos!
Bora catar tralha!
Bjo

 
Licença Creative Commons
O trabalho Mamãe Tá Ocupada!!! foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Com base no trabalho disponível em www.mamaetaocupada.com.br.
Podem estar disponíveis autorizações adicionais ao âmbito desta licença em www.mamaetaocupada.com.br. Paperblog :Os melhores artigos dos blogs