sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

O fiasco do início das férias

Eu planejei o primeiro dia de férias das crianças para que fosse uma verdadeira comemoração, mas deu quase tudo errado! Começou que eu falei que eles poderiam dormir até tarde, tipo meio-dia, mas os três acordaram no horário habitual.

O almoço era especial com tudo o que eles gostam e a sobremesa, mais ainda! (Brigadeiro de colher caseiro em porções individuais e generosas, dá para ser melhor?). Isso eles curtiram um monte, que bom!

Daí, teve uma tarde inteirinha no clube, na companhia de uma amiga querida e com a presença de uma mãe (eu!), uma avó (a da amiga!) e duas dúzias de babá. Beberam água do bebedouro por pura farra, se ensoparam, tiraram as camisetas e eu deixei tudo! Afinal, o primeiro dia de férias deve ser uma festa, certo?

Tomamos lanchinho especial no clube e a coisa começou a desandar. A Manu recebeu um convite de outra amiga querida para ir dormir na casa dela e, obviamente, aceitou. O Pedro começou a chorar que queria ir para casa, nem se deu o luxo de curtir tudo. Mas ainda faltava a parte do programa de ir com eles ao supermercado e comprar todas as porcarias coisinhas gostosas para o fim de semana.

Saímos do clube, deixamos a Manu na casa da amiga, uma filha a menos e retomei a idéia de irmos ao supermercado, só a Mamãe e os meninos. Não houve jeito de convencê-los, nem com a chantagem de comprar as milhares de porcarias frutas fresquinhas.

Cheguei a perguntar feito uma louca com certa insistência se eles ainda me amavam e até disseram que sim, mas queriam ir para casa e disseram que fazer compras no supermercado é “muito chato!” (eu também detesto comprar produtos de limpeza, por exemplo, mas bala, chocolate, pirulito e chocotone???).

Então, eram 6 da tarde e lá estava eu, sozinha naquele supermercado imenso, me perguntando se há justiça e gratidão nessa vida louca que é a maternidade.

Existe, gente? Ou vai ser assim daqui pra frente? Agora que a minha filha dorme fora de casa e os meninos viraram homens que não colocam os pés no supermercado nem para comprar a própria cerveja??



Compartilhar

15 comentários:

Meg disse...

Camilinha... parece incrível né? Programamos tudo com tanto amor e os danadinhos nos surpreendem "escolhendo" o q querem ou não fazer... kkkkkkkk AVENTURAS E DESVENTURAS DA MATERNIDADE...Bjus Meg Lima

Mamãe da Julia disse...

rsrs adorei o post.
É mãe é assim mesmo, as vezes agente faz de tudo e quer se recompensado mas não sai como gostaríamos.
Mas tem muitos dias de férias ainda dá pra curtir muito com a molecada ! rs Beeijos

Juliana Ramos disse...

A vida fica bem mais difícil qdo cada um tem um querer, né?
Como agradar a todos?rs

Bjo

Carolina disse...

hahaha é a independencia está chegando...

Gabi disse...

kkkkkk... começaram cedo aí, hein? Carol amava sair comigo, mas agora detesta! Muitas vezes, nem no salão ela quer ir comigo! Mercado então? Odeia. Vai reclamando, mas vai.
Por um lado, acho que essa vontade de ficar em casa, é bom. É sinal que está tudo bem por lá, que lá é o melhor lugar do mundo. Certo?
Beijos
Gabi

Mamãe Jú disse...

hahahaha
seus textos sao incriveis...

E mae é isso mesmo... nao adianta planejar mto.. .eles fazem o que querem conosco.
bjos

Que venha o segundo dia das férias

Coisas de mãe disse...

hahaha Sacanagem! O maldido CONTROLE da situação, nunca mais nos pertence ne?

beijos e boa sorte nas proximas semanas. imagino que asos poucos tudo vira diversão!

beijos

Pati

Li disse...

Humm!!! É assim mesmo!
Sabe, quando eu ainda estava grávida, assisti ao filme "Espanglês" e comecei a chorar pensando que fazemos tudo por um filho, mas que em algum momento da vida: normalmente infância e/ou adolescência eles desenvolvem sentimentos de que não somos nada, ou somos caretas, ou de que não é agradável fazer os nossos programas e algumas vezes, querem ser diferentes de nós... Mas, acho que isso não acontece para todo mundo e acho que acaba quando os filhos saem de casa e começam a enxergar a realidade, a sentirem as dificuldades da vida e finalmente se orgulham dos pais que têm... eu me orgulho muito dos meus, mas só entendi muitas coisas depois que virei mãe!

Mas, fique tranquila, acho que isso foi só cansasso... logo as férias serão muito bem curtidas ao seu lado!!!

Beijos!

Lívia.

Tatei e Nana disse...

Estou aqui pensando como será o resto das férias... Hehe
Bjs!
Bom fim de semana!

Fabi Coltri disse...

Hahahahahahahahha!

Eu ri, adorei!!

Beijos

Celi disse...

Camila,
A gente faz alguns planos e eles outros. Mas é férias! Eles tem mesmo é que curtir algumas coisas gostosas e divertidas. Agora, também precisam curtir ao lado da mamãe. Com certeza, aproveitarão muitos momentos ao seu lado.
O meu marido que sempre diz que nós mães, mulheres sempre queremos os filhos por perto, bem grudadinhos. Que os homens são e pensam diferentes. Querem criar o filho para o mundo!
Por será né?! rs
Beijos e bom final de semana.

Celi disse...

Desculpe meus erros... na correria escrevi e ficou assim... só agora que vi! Beijos
Se preferir não precisa postar esse comentário.

Roberta "Mimi" disse...

Hehehehe Me diverti um bocado com esse post.
Beijo,

geice disse...

kkkkkk muito bom ... não quero nem pensar quando as minhas pingos for começar nessa fase rsr sorte ai nas ferias adorei o post ^^

(Mamãe) ~Pinel disse...

No final das contas os planos só servem mesmo pra gente ver o que deu errado, e como fazer da próxima vez! =P
heheheheheheh

Depois que a gente tem filho, nem o controle remoto pertence ao nosso controle mais!

Beijo! E boa sorte no resto das férias!

 
Licença Creative Commons
O trabalho Mamãe Tá Ocupada!!! foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Com base no trabalho disponível em www.mamaetaocupada.com.br.
Podem estar disponíveis autorizações adicionais ao âmbito desta licença em www.mamaetaocupada.com.br. Paperblog :Os melhores artigos dos blogs